Top

Como Criar Rádio Online? 5 dicas Para Começar sua Rádio Online

Somos seres sociais, dependemos da interação com outros da mesma espécie (ou não) até mesmo para manter nossa sanidade. Com isso, ao longo da história, criamos várias maneiras de nos comunicarmos com o nossos comuns, de falar com o outro.

E nesse meio termo da história, foi de tudo: pintura rupestre, imagem talhada em pedra, mensageiros para narrar a mensagem, imagens gravadas em potes, moedas, vitrais, etc., sinais de fumaça, pombo correio, obras de arte, cartas, telégrafo, telefone e o mais recente, internet.

Ainda assim, mesmo com todos os avanços tecnológicos ao passar dos séculos, no que diz respeito a falarmos uns com os outros, mesmo com períodos em atividade maiores durante os anos, nenhum agradou tanto quanto o rádio: uma mesma invenção conseguiu informar, entreter e encantar sua audiência.

Ela não parou de evoluir com o passar do tempo, inovando para acompanhar as mudanças do mundo moderno, mas sem deixar de ter seu charme, tendo sido o principal meio de informação para entregar algumas das mais importantes notícias do último século e, porquê não, deste também, com muita abrangência, alcance, rapidez e credibilidade.

É até mesmo justo dizer que a rádio resistiu ao tempo. Afinal, nos últimos 25 anos tivemos incontáveis avanços tecnológicos em todos os campos do saber e a comunicação não ficou de fora. Mas mesmo assim, a rádio continua alegrando, ajudando e prestando um serviço para com a sociedade.

Essa era que tornou tudo digital também transformou a rádio, que agora também é online e assim tem ainda mais interatividade e rapidez para reportar um fato ou informar sobre algo. Com isso em mente, neste artigo vamos entender melhor como funciona uma rádio online.

Quando se trata de entender como montar uma rádio online, muitas dúvidas podem surgir. Questões sobre o que é o serviço, como ele funciona, o que é necessário para usá-lo…

Enfim, são levantadas — e com razão — várias dúvidas sobre o tema. Vamos então entender melhor o que é uma rádio online.

O que é uma rádio online?

Rádio online (também conhecida como rádio digital ou web rádio) é transmitida pelo provedor de streaming. Elas têm por padrão uma operação simples, tocando arquivos de áudio por meio de playlists ou permitindo conexões do computador com o servidor, para administração da transmissão, o que chamamos de transmissão ao vivo.

Claro, isso é a explicação padrão do que faz o serviço que se contrata com uma provedora de streaming. Mas a rádio online é muito mais do que isso. Fazer rádio online é a capacidade de você levar a qualquer lugar no mundo sua mensagem.

É levar a sua palavra àquela pessoa que está longe, seja qual for a distância, um quarteirão, um quilômetro, uma cidade, um estado ou até um país. A rádio online propicia levar essa mensagem pra quem importa, seu ouvinte.

Ou seja, ela é um meio de transmitir as emoções do rádio convencional, aquela AM ou FM no mundo virtual. É o próximo passo depois da rádio por frequência, sendo mais do que ruído branco tocando no computador e transcendendo as rádios convencionais. Ela irrompe com o tradicional, dando a chance da sua voz e a sua mensagem chegarem a quem realmente importa.

Como surgiu a rádio online

A primeira transmissão de rádio feita por internet data de 1993 onde o americano Carl Malamud criou o programa “Internet Talk Radio”. Já a primeira rádio comercial a fazer transmissões online a fez em 1995, no estado do Texas, nos EUA. No Brasil, a primeira rádio exclusivamente online data de 1998.

Essas inovações ainda estavam em processo de criação e melhorias na época, então vários avanços dentro da área de transmissão e conexão de rádio online são recentes, como softwares e aplicações de conexão com servidor, por exemplo.

Além disso, claro, a tecnologia está em constante evolução, portanto técnicas usadas há 25 anos atrás não são mais utilizadas ou perderam suas propriedades com o aperfeiçoamento dos demais componentes e serviços usados para essa finalidade.

Diferenças entre rádio por frequência e rádio online

Como dissemos antes, uma das principais diferenças entre a rádio online e a convencional é a versatilidade que seu ouvinte tem de se conectar para ouvir suas transmissões.

Afinal, com o mundo conectado de hoje, se o ouvinte estiver em outro continente, ele ouve sua transmissão na rádio online. Já na rádio convencional, o sinal tem um determinado alcance, só chegando até um ponto específico.

Um ótimo exemplo disso é quando se viaja de carro e a pessoa sintoniza em uma rádio; quando ela sai do alcance do sinal, ou a transmissão vira um chiado ou então se conecta a uma outra rádio, que sem ligação com a primeira, o que leva o ouvinte a procurar outra rádio ou desligar o aparelho.

Além disso, quando você cria rádio online, não são exigidas licenças para abertura, pois é uma conexão por streaming de áudio. Quando o assunto é uma rádio convencional, além de um equipamento muito específico para transmissão de ondas de rádio e logicamente um escritório e/ou centro de operações, a pessoa precisa de uma concessão de transmissão cedida pelo governo.

Olha só: com isso, um sonho de ter uma rádio usando transmissão de ondas tradicionais pode ser engavetado mesmo se você já tiver o local e os equipamentos de trabalho, pois eles podem simplesmente não lhe ceder uma concessão, não permitindo que você abra sua rádio e te impedindo de seguir em frente com seu projeto.

5 Dicas para montar uma rádio online

Vamos passar a seguir algumas dicas e técnicas sobre como fazer uma rádio online. Elas tem o foco principal em marinheiros de primeira viagem, pessoas que estão descobrindo o serviço de web rádio agora.

São pessoas que talvez ainda não haviam ouvido falar de streaming, mas pensam em montar rádio online. Claro, dicas desse segmento também podem ser úteis para pessoas que já conhecem ou até mesmo já tem um serviço de rádio online contratado.

Essas dicas são pensadas e focadas em construir uma rádio online já otimizada para o uso, levando ainda mais informações, entretenimento e qualidade para seu ouvinte. Seguem nossas 5 dicas para fazer rádio online.

1 – Infraestrutura básica para fazer rádio online:

Para iniciar uma rádio online, pode até mesmo ter um custo zero. Isso porque os equipamentos necessários para o começo do trabalho são básicos, sendo possível que você até mesmo os tenha neste momento.

Você só precisa de um computador com acesso à internet, microfone para falar em uma transmissão ao vivo e uma conexão de internet banda larga, com velocidade de conexão superior a 1Mbps.

Os equipamentos padrão para fazer rádio online são bem mais simples do que os necessários para uma transmissão por rádio convencional pois o modo de conexão é muito mais simples.

Afinal, para uma transmissão de rádio frequência, você precisa de uma antena de transmissão, equipamentos de controle e, além disso, também é necessário a concessão governamental, como dissemos antes.

Claro, os equipamentos padrão vão te dar o mínimo para que você montar rádio online e se conectar para fazer uma transmissão ao vivo; não te entregarão uma qualidade superior ao que valem, mas entregarão resultados, permitindo que seu ouvinte te ouça. Logicamente, equipamentos de maior maior preço consequentemente terão melhor qualidade.

Além de valor há também toda sua versatilidade e variedade: por exemplo, vários microfones podem desempenhar um serviço como uma transmissão de sua rádio online, mas se deseja algo mais específico, você tem de usar um componente dentro da sua área de necessidade.

Veja esse vídeo do canal ProDigital, que tem uma explicação bem completa de como escolher um microfone para cada função:

Além desse componente, o computador é fundamental pois ele se conecta ao Painel de Controle do serviço para criar e administrar outros meios de transmissão (também chamados de AutoDJ ou transmissão offline) e, claro, também se conecta ao servidor para transmissões ao vivo.

E adivinha? O computador não precisa ser uma máquina top de linha: basta que ele esteja devidamente atualizado e o disco rígido não esteja sobrecarregado de arquivos e o PC já está pronto para fazer rádio online.

Outro componente essencial é o fone de ouvido para controle de retornos e qualidade de arquivos de áudio. Estes podem atender mesmo sendo produtos de valor mais baixo, só sendo necessário um fone mais caro se houver uma necessidade muito específica quanto a isolamento acústico ou aumento de decibéis ouvidos no uso do fone.

Por fim, existem outros componentes que não são obrigatórios, como a mesa de som, por exemplo, que é totalmente opcional, mas mesmo assim, é possível usá-la para montar uma rádio online ainda mais versátil.

2 – Conheça e atenda seu ouvinte:

Você pode perfeitamente fazer sua rádio online, compor sua mensagem para audiência e divulgá-la aos quatro ventos na sua web rádio. Pode aparecer alguma audiência, mas o melhor a fazer é alinhar seu conteúdo com seu público-alvo. Isso garante que seu ouvinte vai encontrar exatamente o que está procurando quando chegar na sua rádio.

Talvez o modo mais eficiente para conhecer o seu ouvinte é conseguir estabelecer a persona dele. A persona é a expressão do modelo ideal de seu ouvinte. Então, ela estabelece os gostos e preferências de quem escutará suas transmissões quando você estiver com sua rádio online ativa, te dando ainda mais informações para você desenvolver sua programação.

Criar a persona é fácil, mas requer trabalho: com base no seu conhecimento de seu público, é só você estimar dados de um ouvinte ideal. Esse ouvinte ideal tem todos os dados de uma pessoa comum, como nome, idade, endereço, escolaridade, emprego, desafios profissionais, família, amigos, passa-tempo preferido, ocupações, gênero musical predileto, bens materiais, influenciadores que segue, redes sociais que usa, etc.

Esses são só alguns exemplos. Sua persona pode ter muito mais desses itens para preencher, ou até mesmo alguns à menos. O preenchimento deles denota tudo que a posicionará como um ouvinte assim que ele tiver acesso ao seu conteúdo, bem como lhe dando uma ideia de como adequar sua programação para atender esse ouvinte ideal.

Afinal, pensa só, se sua persona exemplifica quem escuta sua rádio online, você quer que essa personagem fique satisfeita com a programação, não é mesmo? Quer que ela fique mais tempo conectada e que interaja nas postagens de seu site, tal qual em postagens em redes sociais. Então o melhor a fazer é, depois de criar a persona, moldar a programação para algo que a agrade.

A sacada aqui é atender ao que seu público quer ouvir, dando pra eles o que eles querem. Porque pensa só, você escolhe que a persona prefere música Gospel, com isso decide criar rádio online e se promover em páginas de redes sociais com esse foco e por fim, a pessoa chega na sua web rádio para ouvir a sua programação de promovida.

Se você for tentar atender a todos os públicos e logo depois do programa Gospel começar um programa de Funk, seu público-alvo vai embora, eles vão deixar de te escutar.

Ainda pegando um gancho de interações, após tudo já estabelecido e toda programação montada, um golpe de mestre para fidelizar o seu público é manter o contato por meio de redes sociais. Portanto, interaja, esteja presente, se comunique com o seu público de forma bilateral, crie um diálogo com sua audiência.

3 – Voz e Apresentação:

A voz é o mais importante instrumento de comunicação usado pela humanidade. Ela apresenta ao outro de modo prático o que pensamos, como vemos nosso meio e pode trazer à tona nossos sentimentos. Na rádio não é nada diferente.

É ela quem vai levar a emoção ao seu ouvinte, que vai dar todo o contexto para sua audiência do que está sendo informado, entretendo o público, sempre no tom correto para informar um fato, dar uma notícia ou até mesmo levar a mensagem às pessoas, seja em música, oração, conto, etc.

Mas isso não significa que toda fala tem de ter pompa ou que tem de ser como um menestrel anunciando a entrada de um rei. A comunicação clara e simples, que passa a informação sem florear ou sem a necessidade de termos muito técnicos não exige de seu público um conhecimento prévio sobre o assunto. Assim a pessoa pode absorver melhor a informação e o contato com o público fica mais direto.

Vale dizer que uma comunicação simples não significa comunicação incompleta ou sem coesão. Tenha sempre um roteiro para sua rádio online: isso é de extrema importância pois agiliza sua comunicação, te dando uma referência e uma base para falar de um tema.

Junto a isso o roteiro organiza suas pautas de transmissão para a audiência, dando coerência a sua rádio e permitindo que seu ouvinte consiga acompanhar todo assunto discutido nas transmissões.

Isso tudo aliado a um bom controle de voz, já trás ótimos resultados. Quanto a essa parte, alguns cuidados com a voz(link artigo sobre voz) podem ser muito úteis, tais quais os seguintes:

  • Evite o uso de cigarro e bebidas alcoólicas; esses dois podem trazer problemas para a voz do radialista, como rouquidão, ressecamento da garganta e até complicações sérias.
  • Evite gritar ou competições de voz; sabe aquele ambiente fechado, como uma boate ou lugar com muito ruído? Quando se quer fazer escutar, você pode acabar gritando ou aumentando o tom de voz num nível que pode causar rouquidão.
  • Evite, se possível, ambientes com ar condicionado; o problema do uso do ar condicionado é que o aparelho pode ressecar o ar, causando assim pigarros ou até mesmo rouquidão. Se tiver de ficar com ar ligado, tome bastante água.
  • Evite alimentação pesada; alimentos pesados e processados podem comprometer o funcionamento do diafragma, o que pode gerar refluxo do suco gástrico e isso pode lesionar as cordas vocais

Esses e outros riscos à voz devem ser evitados, a fim de que sua voz permaneça saudável e pronta para manter seu ritmo de transmissões. Existem também vários cuidados, como por exemplo ampliar o consumo de maçã, pois ela contém o ácido málico, que tem propriedades adstringentes e ajuda a limpar a garganta.

4 – Locução do Conteúdo da Rádio Online:

Aproveitando o gancho do já apresentado lá sobre persona, os conteúdos que você apresentará quando criar uma rádio online deverão ser condizentes ao seu nicho de atuação. Reiterando o que dissemos, isso também deve ser referente a sua locução.

Claro, você enquanto locutor da rádio online deve sempre manter o alto astral da programação, mas existem casos em que a rádio demanda um gravitas, ou seja, uma abordagem diferenciada frente ao ocorrido. Por exemplo, quando você dá notícias sobre política, o tom tende a ser mais sério.

Do mesmo modo que quando você reporta notícias sobre um falecimento na sua comunidade, o tom é mais imparcial, mesmo se tratando, por exemplo, um membro conhecido dessa região: o compromisso da rádio é com a notícia.

Claro, você pode expressar seu pesar, mostrar até mesmo que conhecia a pessoa, mas não deixa de ser uma nota sobre alguém. Quando o infortúnio acontecer com outro, por exemplo, você tem de manter o mesmo perfil, até para não comprometer essa imparcialidade.

Uma dica importante para facilitar o contato com seu ouvinte é a seguinte: tente trazer uma linguagem simples e frases curtas para aumentar o entendimento da sua audiência, com um roteiro de seus programas para transmissões ao vivo.

Ele deve ter algumas informações para auxiliar o locutor, como por exemplo a ordem que os fatos serão narrados, nomes e números escritos por extenso para não dificultar / para otimizar o raciocínio lógico dele, anotações de tempo médio de duração de músicas e notícias para deixar o locutor pronto para voltar ao ar, etc.

É interessante você olhar que existem também possibilidades de qualificação em locução, tanto presencial quanto também à distância. Mesmo assim, essas qualificações não são obrigatórias para saber operar seu serviço de rádio.

Afinal, a grande sacada é a mensagem única que você transmitirá em sua rádio, entregando a um público em específico algo singular, com a sua identidade, quase que feito sob medida.

E adivinha? Isso ajuda ainda mais quando o assunto é construir sua rádio online. Ela se tornará individual, mesmo sendo coletiva. Então é isso, uma preocupação com o conteúdo, para levar pra sua audiência o que é interessante para ela.

5 – Redes Sociais e Divulgação:

Esse tópico é essencial mesmo antes de você começar a sua rádio online para ter ainda mais sucesso. E além disso, olha só, ele é o mais simples de todos! Afinal hoje nós todos já estamos mais que habituados a um ambiente digital, de mensagens, de likes e de notificações.

E hoje não tem como: tudo quanto é marca tem contato com os clientes por redes sociais, de sabão em pó a montadora de carro. Isso significa só uma coisa, sua rádio online não pode ficar de fora das redes sociais.

Sobre em quais delas você deve estar quando montar rádio online, até dá para dizer que quanto mais, melhor. Mas é interessante que se leve em consideração quais são as mais usadas pelo seu público para ter maior foco e uma melhor concentração da audiência.

A chave aqui é o engajamento com seu ouvinte nas redes sociais que você escolher participar. Então sempre busque ser proativo com os contatos de seu público: responda suas mensagens, curta seus comentários, interaja nas respostas deles, responda aos contatos. Enfim, mostre para o seu ouvinte que você está presente, que você vai fazer rádio online para estar lá, para atendê-los.

No Instagram por exemplo, uma dica é usar o recurso de stories para mostrar um pouco dos bastidores da sua rádio. Esse recurso também pode ser usado para responder diretamente à perguntas da audiência com a nova função de perguntas do aplicativo.

E tem mais essa: as stories que você publica no Instagram podem ser também compartilhadas diretamente pela plataforma já no facebook. Recursos como o perguntas não ficam disponíveis nesse modo de compartilhamento, mas a postagem é compartilhada para o Facebook do mesmo modo que foi feita originalmente.

Essa story com o perguntas não é dividida diretamente em outros aplicativos ou redes sociais, como whatsapp ou twitter. Para postá-la nesses canais, é só clicar no botão Salvar, no canto inferior esquerdo da tela, com um ícone de uma seta para baixo. Com isso sua story é salva no seu dispositivo, podendo ser compartilhada manualmente em outros apps.

E por que compartilhar stories? Simples: esse recurso cria uma postagem de tempo máximo de visualização de 24 horas; depois disso, ela some. Isso vai criar uma sensação de urgência no seu ouvinte e também seguidor, pois quando você postar algo lá, esse ouvinte tem de ver a story ou então o ela some para sempre.

Uma dica sobre redes sociais é que sejam criadas páginas de sua rádio online, exatamente para haver uma separação, para que o ouvinte interaja com a rádio e tenha uma resposta diretamente dela. Isso também é importante, pois gera um senso de ser visto pela marca, sabe? Algo como receber uma mensagem de alguém que você gosta, alguém importante.

Criar uma rádio online, como vimos lá no começo, é um processo bem simples; é, de modo prático, a contratação de um serviço que você vai controlar. Mas é aí que surge a diferença de fazer rádio online para outros serviços, pois ela é um serviço que te permite levar a sua mensagem, propagar a palavra para seu ouvinte.

E o melhor: você consegue fazer isso onde quer que o seu ouvinte esteja! É só você criar um conteúdo voltado ao seu público-alvo, que eles vão se interessar, vão ouvir o que você preparou para eles com todo cuidado. Basta ter em mente que uma rádio online é a oportunidade de levar para uma audiência em específico exatamente o que eles querem.

Compartilhar
Sem comentários

Deixe seu comentário